quarta-feira, maio 06, 2009

Rocim


Interlúdio pub.

3 comentários:

XL Man disse...

isso é bom?

sendo isto um blog, podes aproveitar e deitar aí uns bitaites sobres as qualidades do dito (do líquido, não do blog)!

Este fim de semana passado fui a Trás os Montes a só me deram vinho caseiro merdoso, daquele ainda a saber ao verde da vinha, xissa!

onitsuaf disse...

eu costumo ir às quintas e pedir para provar (a maior parte das vezes não dá...) mas aviso sempre que não sei dizer coisas inteligentes sobre o vinho :P

este em particular era muito bom. foi a enóloga que mo deu quando a fui fotografar à Quinta do Rocim, algures entre a Cuba e a Vidigueira.
para além de recomendar uma visita à quinta (é um bocadinho longe, mas a viagem é "cénica" como se diz na ViaMichelin), recomendo também o vinho, que dentro da minha mui modesta e pouco douta apreciação é uma delícia. pareceu-me que já devia ter sido bebido há um anito atrás, a rolha apresentava sinais de cansaço e tive de o arejar um bocado antes de consumir.
agora sobre os taninos e as notas de madeiras velhas e o aroma frutado e o fim de boca persistente, isso não sei dizer nada!

fukujitso disse...

oni, és um enopedófilo!